Cinco detidos em operação nacional que envolve buscas a sucateiras em Coimbra, Leiria, Santarém e Porto

225

Pelo menos cinco pessoas foram detidas hoje numa operação da PSP em vários distritos e que envolve a prática dos crimes de furto e recetação de catalisadores e branqueamento de capitais, disse à Lusa fonte da PSP.

Segundo a mesma fonte, a operação inclui meia centena de locais de busca e até às 09:00 tinham sido detidas cinco pessoas.

A ‘Operação Carbono’, que arrancou hoje de manhã, decorre em simultâneo nos distritos de Santarém, Porto, Leiria e Coimbra, visa residências de suspeitos dos furtos, sucateiras e outros locais “referenciados durante as investigações por comercializarem ilicitamente esses componentes, sob a forma de resíduos, provenientes de furtos das viaturas”, refere a PSP.

Em comunicado, a PSP informa que a operação decorre de vários inquéritos, sob orientação do Mistério Público das respetivas comarcas e com a colaboração da Agência Portuguesa do Ambiente.

“Desde o início de 2020, altura em que se verificaram as primeiras ocorrências, a PSP registou cerca de 2.600 furtos de catalisadores em todo o território nacional e uma aceleração deste tipo de crimes desde o início do desconfinamento”, acrescenta a nota.

fonte: noticias de coimbra