Dívidas a agentes estão a dificultar mercado em Alvalade

139

Sinais preocupantes em relação ao estado financeiro do Sporting. O jornal O Jogo avança este domingo que os leões estão a encontrar dificuldades para negociar alguns elementos do seu plantel devido a dívidas existentes a empresários, envolvidos em transferências anteriores do clube. Segundo a publicação, alguns agentes comunicaram ao Sporting que não vão permitir qualquer venda de jogador enquanto não forem saldadas as dívidas, apesar de uma renegociação de prazos já ter sido acordada entre as partes e que o clube não cumpriu. Nas últimas semanas já tinham surgido a público queixas de SC Braga e Slovan Bratislava devido aos negócios que envolveram Rúben Amorim e Andraz Sporar. A 31 de março, as contas da SAD dos leões revelavam dívidas de 22,3 milhões de euros a agentes e intermediários. Com necessidade de vender elementos do plantel para atacar o mercado, o Sporting precisa de encontrar soluções em vários casos para conseguir liquidez financeira. Acuña, Borja ou Eduardo são alguns dos nomes dados como transferíveis.