Entre os que chegam e os que partem, a GNR inicia a operação “Viajar sem pressa”

57

No rodar das quinzenas de agosto, a Guarda Nacional Republicana (GNR) inicia hoje a operação “Viajar sem Pressa”, de controlo de velocidade, “para promover comportamentos mais seguros dos condutores e diminuir a sinistralidade grave”.

Em comunicado sobre a operação, que decorrerá até 19 de agosto, a GNR sublinha que “o excesso de velocidade continua a constituir em Portugal uma das principais causas da sinistralidade rodoviária grave, seja pela diminuição do tempo de reação do condutor para fazer face a um imprevisto, ou pelo agravamento das suas consequências em resultado da maior violência do embate”.

“Importa salientar que, quando a velocidade duplica, a distância de travagem quadruplica e, em caso de acidente, a probabilidade de resultarem vítimas mortais ou feridos graves aumenta de oito a 16 vezes”, enfatiza a GNR.

A GNR controlou, em 2019 e no primeiro semestre de 2020, a velocidade de mais de dez milhões de veículos, dos quais 227.443 circulavam em excesso de velocidade.

fonte:sapo