Milhares de jovens jesuítas em Portugal a partir de 22 de julho de 2023

76

Milhares de jovens ligados aos jesuítas são esperados em Portugal a partir de 22 de julho de 2023, antecedendo a Jornada Mundial da Juventude, para o MAGIS 2023, anunciou hoje a Província Portuguesa da Companhia de Jesus, em comunicado.

Este encontro de jovens ligados à Companhia de Jesus inicia-se 10 dias antes da Jornada Mundial da Juventude Lisboa 2023 (JMJ Lisboa 2023) e culminará no dia de Santo Inácio de Loiola, 31 de julho, véspera do início da Jornada.

“Depois destas duas semanas em que integrarão experiências que ajudarão na sua reflexão, partilha e celebração, espalhadas pelo país, os jovens ligados à Companhia [de Jesus], com idades entre os 18 e os 30 anos, juntar-se-ão aos restantes participantes na JMJ para mais seis dias de jornada”, informa o comunicado hoje divulgado.

Esta nota da Província Portuguesa da Companhia de Jesus aponta para a chegada do Papa a Lisboa no dia 03 de agosto, quinta-feira, e o regresso ao Vaticano no domingo, dia 06, após a chamada “missa do envio”.

“A Jornada Mundial da Juventude é o fantástico encontro entre o Santo Padre e os jovens católicos do mundo inteiro. Os jovens, que são o agora de Deus, são também o presente da igreja no mundo. O encontro com o Santo Padre em 2023 é uma forma de expressar ao Papa, à igreja e ao mundo inteiro, o seu compromisso e fidelidade”, afirmou o coordenador do MAGIS, padre Samuel Beirão, citado no comunicado.

O tema deste encontro de jovens jesuítas – com idades entre os 18 e os 30 anos – é “Criar um futuro cheio de esperança”, sendo inspirado numa das quatro Preferências Apostólicas Universais, as orientações apostólicas da Companhia para o decénio 2019-2029, mais concretamente na terceira: “Acompanhar os jovens na criação de um futuro cheio de esperança”.

Segundo informação da Companhia de Jesus, durante os dias em que decorrer o MAGIS, “a juventude inaciana de vários países integrará várias experiências, que ajudarão a refletir, partilhar e celebrar em conjunto a preparação para a JMJ 2023”.

A iniciativa é “um convite a experimentar as alegrias e angústias de tantas pessoas, possível graças à diversidade de tantos participantes e a experimentar a presença no coração de cada um de um desejo partilhado de sociedades mais justas capazes de oferecer possibilidades mais sustentáveis e geradoras de vida”, acrescenta.

Este programa mundial aconteceu pela primeira vez em 1997, em França, mas foi em 2005, na Alemanha, que ganhou o nome e se tornou num encontro oficial, que se veio a repetir nos anos seguintes.

Alguns anos depois, em 2011, em Espanha, contou com a presença de milhares de participantes oriundos de 50 países e foi nesse ano que adquiriu a sua forma atual.

A Jornada Mundial da Juventude Lisboa 2023, realiza-se entre 01 e 06 de agosto de 2023, e nela são esperados mais de um milhão de jovens de todo o mundo, decorrerá nos terrenos da margem do rio Tejo, ao norte do Parque das Nações, sendo encerrada pelo Papa.

Inicialmente prevista para o verão de 2022, a iniciativa foi adiada um ano, devido à pandemia de covid-19.

fonte: noticias de coimbra