Pandemia em roda livre na região de Coimbra

75

Com três concelhos em risco extremo e 12 e risco muito elevado, a Região de Coimbra agravou de forma significativa a situação epidemiológica e os níveis de transmissão da covid-19, segundo os dados divulgados pelo Governo e confirmados ontem pela DGS. Há três concelhos em Risco Extremamente Elevado, Oliveira do Hospital, Tábua e Vila Nova de Poiares, e doze em Risco Muito Elevado, incluindo Coimbra.

Arganil, Cantanhede, Coimbra, Condeixa, Góis, Mealhada, Mira, Miranda do Corvo,  Mortágua, Penacova, Penela e Soure estão agora a cor-de-laranja no mapa de risco, com um índice de novos casos a 14 dias por 100.000 habitantes entre  480 e 960, situando-se assim no grupo de concelhos com Risco Muito Elevado.

Figueira da Foz, Montemor-o-Velho e Lousã mantém o nível de incidência no grupo dos concelhos de Risco Elevado, a amarelo no mapa. No grupo de risco moderado, o mais baixo da tabela, está o município da Pampilhosa da Serra.

Conheça aqui a evolução da Região de Coimbra por concelho:

fonte: noticias de coimbra