Prisão preventiva para homem que abusou sexualmente da filha menor de namorada

17

A Polícia Judiciária, através da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo, procedeu à detenção de um homem, de 40 anos de idade, por fortes indícios da prática de crimes de abuso sexual de crianças.

Os factos que determinaram a detenção ocorreram entre julho e novembro deste ano e vitimaram uma criança, de 7 anos, filha da atual namorada do detido.

A denúncia teve origem em profissionais de primeira linha do setor educativo, que tiveram conhecimento da suspeita no exercício das suas funções.

A criança encontra-se a receber apoio psicológico, beneficiando ainda de acompanhamento especializado por parte de entidades de caráter protetivo da infância, que têm atuado em articulação estreita com a Polícia Judiciária.

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de prisão preventiva e de proibição de contactos, por qualquer título e sob qualquer forma, com outros intervenientes processuais.